Dia da mulher: blogueiras elegem as 10 mulheres mais inspiradoras de todos os tempos


Política, moda, cinema, música. Elas mostraram o poder feminino na sociedade, fizeram a diferença em seus respectivos setores de atuação, inspiraram mulheres no mundo inteiro e servem de exemplo até hoje. Para comemorar o dia internacional da mulher, as bloggers do Moda No Trabalho, blog de moda criado por e para mulheres reais do mercado de trabalho, fizeram uma seleção com 10 personalidades que fizeram história com sua trajetória e deixaram o maior legado que elas poderiam: a sua própria história.

Madonna

Madonna

Uma das primeiras personalidades do cenário musical a questionar padrões pré-estabelecidos sobre as mulheres na sociedade e tocar em assuntos considerados tabus até hoje. Na década da 1980, por exemplo, falou sobre o aborto em uma de suas canções e usou a figura de Jesus Cristo negro em um vídeo clipe. Madonna continua quebrando estereótipos e prova, com um dos shows mais rentáveis da indústria fonográfica, que a idade não impõe limites a nenhuma mulher.

Joana D’Arc

Joana_D'arc

Foi uma das figuras femininas mais fortes da França medieval e a heroína da Guerra dos Cem Anos. Na década de 1920, foi canonizada. Sua vida foi marcada por episódios trágicos e fortes. Ela foi a primeira mulher a entrar no exército e, para isso, raspou os cabelos e se vestiu como homem no momento em que as mulheres não tinham voz ativa na sociedade.

Carrie Bradshaw

Carrie_Bradshaw

A personagem eternizada pela atriz Sarah Jessica Parker no seriado Sex And The City ajudou a desenhar o perfil da mulher independente e cosmopolita do século XX. Os dilemas vividos por Carrie durante os cinco anos em que o seriado esteve no ar nos Estados Unidos (entre 1998 e 2004), ajudou diversas mulheres através de questões que questionavam relacionamentos, sexo, independência financeira e dilemas da vida moderna.

Rainha Vitória

Rainha Vitória

A Era Vitoriana foi a mais longa da história do Reino Unido. Vitória foi uma das rainhas que mais desempenhou papel social em seu reinado: aboliu a escravidão em seu império, reduziu a jornada de trabalho e deu a eles o direito de voto. Após a morte do Rei, passou a trajar apenas roupas pretas, o que fez até hoje a cor ser sinônimo de luto.

Iris Apfel

Iris2

Ícone de estilo aos 91 anos, a decoradora de Nova York prova, com sua irreverência, que moda é feita para se divertir e defende a liberdade de usar aquilo que se gosta. Estrelando campanhas de marcas famosas e posando frequentemente para editoriais de revistas, Iris quebra qualquer estereótipo feminino e é uma inspiração não só para mulheres de sua idade, mas de todas.

Angelina Jolie

Angelina_Jolie

A atriz é a prova de que um rostinho bonito pode ir além. Recentemente, Angelina inaugurou o primeiro centro de estudo e apoio a mulheres que vivem em zombas de risco e está à frente de diversas causas sociais. Ela mostra que cada um pode fazer sua parte por uma sociedade mais igualitária. A triz tem seis filhos, sendo deles adotivos e é um exemplo de mãe a seguir.

Gloria Steinem

Gloria_Steinem

A verdade te libertará. Mas primeiro ela vai te enfurecer.” É uma das frases da jornalista que esteve mais engajada no feminismo do século XX. É responsável pela Ms. Magazine, primeira revista feminista, alertando mulheres através de suas matérias contra a cultura do machismo. É autora de diversos livros sobre o assunto, entre eles “Se os homens menstruassem”.

Madre Tereza de Calcutá

Madre_Teresa

Vencedora do Prêmio Nobel da Paz em 1979, Madre Tereza é o exemplo vivo de caridade e generosidade ao próximo que todos deviam ter, mesmo que em doses pequenas. Dedicou sua vida inteira a ser missionária da igreja católica e visitou diversos países como a Índia, para levar sua mensagem ao maior número possível de pessoas. Morreu com 104 anos e teve seu corpo transportado no mesmo veículo que Mahatma Gandhi.

Xinran Xue

Xinran_Xue

Jornalista e escritora chinesa, Xinhan é responsável pela criação de um programa de rádio dedicado a mostrar e denunciar os problemas pelos quais as mulheres de seu país passam. Com quantidades infinitas de cartas que começou a receber de mulheres, lançou o livro “As Boas Mulheres da China”, com histórias que não puderam ir ao ar. Está na lista por encorajar centenas de mulheres chinesas e lutar pela igualdade de gênero através do jornalismo investigativo.

Coco Chanel

Coco_Chanel

Uma das estilistas mais visionárias da história da moda, Chanel livrou mulheres dos espartilhos e tornou-se referência de atitude, estilo e feminismo. Não só visionária, também foi empreendedora e fundadora de uma das marcas que se tornou um império. Ela é a única estilista presente na lista das cem pessoas mais importantes da história do século XX, eleito pela revista Time.

Claudia Kather

Executiva do mercado financeiro, formada em Comunicação Social – Propaganda e pós graduada em Marketing, com MBA em Marketing de Serviços. Apreciadora das tendências de moda.

2 Comentários

  1. Amanda

    Gostei da lista, mas acho que pode ter uma segunda parte, porque ficaram de fora muitas mulheres importantes, por exemplo:
    Indira Gandhi, primeira Ministra da Índia e engajada em causas sociais relevantes;
    Frida Khallo, pintora revolucionaria;
    Cleópatra, conhecida como grande negociante, poliglota e estrategista militar;
    As brasileiras Maria Quitéria e Anita Garibaldi;
    Maria Curie, unica que ganhou dois prêmios Nobel;
    Evita Peron, que enquanto casada com o Presidente Peron, lutou pelos direitos dos trabalhadores e da mulher, mulher simbolo da Argentina;

    Responder
    1. Claudia Kather Autor do post

      Olá Amanda! Obrigada pelas dicas! Você tem razão, podemos falar também destas mulheres inspiradoras! Agradecemos ter compartilhado com a gente sua opinião! Assim, podemos ir aprimorando nosso conteúdo! Beijos

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *